Anestesia causa queda de cabelo?

Carlos Henrique Viana de Castro
Anestesiologista
CRM MG 18470

Com frequencia somos abordados, durante a avaliação pré-anestésica, sobre queda de cabelo (alopécia) após um procedimento cirúrgico. Alguns pacientes e, mesmo alguns médicos cirurgiões relacionam a queda de cabelo, diretamente com a anestesia. Portanto, cabe a pergunta: Anestesia gera queda de cabelo?

A perda de cabelo é um evento raro após um procedimento cirúrgico e, basicamente, tem duas causas:

Alopécia de pressão1,2,3 – Esta forma de queda de cabelo está associada à cirurgias muito longas, com a cabeça mantida em apenas uma posição. A alopécia inicia-se dentro das primeiras 48h e, frequentemente, é antecedida por uma área de edema (inchaço da região)

Algumas cirurgias acrescentam outros fatores que podem influenciar a queda de cabelo, por exemplo, a cirurgia cardíaca associada ao uso de circulação extra-corpórea com redução da temperatura corporal (hipotermia), baixo fluxo sanguíneo ao couro cabeludo, uso de heparina

Uso de vasoconstritores, etc. Os pacientes, tipicamente, queixam-se de dor e edema ocipital dentro de 24 h após a cirurgia

O sinais observados na primeira semana incluem edema, exsudação, presença de crostas e, eventualmente , úlceras. A perda de cabelo evidencia-se entre 48h e 28 dias no pos-operatório

Na maior parte dos casos, a queda de cabelo é auto-limitada com recuperação completa em 12 semanas, entretanto, a cicatrização com produção de fibrose do couro cabeludo, pode deixar a área permanente sem cabelo, sendo estes casos relacionados a cirurgias de 24h de duração

As cirurgias com menos de 17h de duração tem pouca associação com a alopécia permanente

Eflúvio Telógeno – Esta é uma condição diferente da anterior e pode gerar queda de cabelo generalizada. As causas incluem doença aguda (infecção generealizda, cirurgia de grande porte ou trauma grave), doença crônica (câncer, doença figado e rim), alteração hormonal (gravidez, problemas de tireóide, mudanças na dieta e um número significativo de medicações. Cirurgias de grande porte sempre são feitas com anestesia, permitindo que a queda de cabelo seja associada à anestesia.

De fato, algumas técnicas anestésicas, tais como, anestesia regional (peridural ou raquianestesia) podem reduzir a resposta do organismo ao stress, podendo, em tese, ter um efeito protetor com relação a queda de cabelo. Portanto, nessa condição de Eflúvio Telogeno, o stress relacionado à doenças graves ou a cirurgias extensas talvez seja a causa principal de queda de cabelo.

Referências Bibliográficas:

¹http://www.cleveland.com/healthfit/index.ssf/2012/05/does_anesthesia_cause_hair_los.html acesso em 20/01/2018

²Plast Reconstr Surg. (1984) Feb;73(2):308-9

³J Thorac Cardiovasc Surg. (1976) Mar;71(3):342-7

4Drugs Real World Outcomes. (2016);3:1-6

5Anesth (2016) 30:349–351

Você também pode gostar

Blog

Tecnologia e Anestesia

Em breve.

anestcare
12 de março de 2021
Ler Artigo
Blog

Câmara de Arbitragem e Cirurgia

Em breve.

anestcare
12 de março de 2021
Ler Artigo
Blog

Tomei a vacina para a COVID-19, quanto tempo depois posso operar?

Carlos Henrique Viana de CastroAnestesiologistaCRMMG 18470 A pandemia (ou melhor dizendo, sindemia) de COVID-19 trouxe profundos impactos na vida das...

Carlos Henrique Viana de Castro
11 de março de 2021
Ler Artigo